WTC7

.posts recentes

. Le Pen, Macron e o Fascis...

. Entre a espada e a parede

. Trabalho com precariedade

. Saindo da UE

. A rapina de Timor-Leste: ...

. Empresa de limpeza em Tel...

. De quem é o vírus Zika?

. Bem-vindos ao apartheid d...

. Adolescente americana ame...

. Perante o caos, o saque e...

. A canalhice final contra ...

. Atirá-los ao mar

. Pensar a violência

. O que queremos dizer quan...

. “Je Suis CIA”


Tecnologia de FreeFind

.Arquivos

.subscrever feeds

blogs SAPO
Sábado, 25 de Agosto de 2007

Relatório sobre 11 de Setembro ataca dirigentes da CIA

A CIA (Agência Central de Informação [dos EUA]) não conseguiu agir de forma eficaz contra a Alcaida antes dos ataques de 11 de Setembro em Nova Iorque, de acordo com os próprios auditores da agência.

Finalizado em Junho de 2005 e mantido secreto até agora, o resumo de 19 páginas responsabiliza os líderes da CIA por “não cumprirem as suas responsabilidades de forma satisfatória.”

O relatório governamental, há muito esperado, não é o primeiro caso em que a CIA é acusada de não lidar correctamente com a ameaça da Alcaida, mas desta vez a conclusão foi feita pela própria agência.


Fonte: http://www.russiatoday.ru

“O que há de novo neste relatório é que responsabiliza alguns funcionários individualmente e exige mais respostas, para melhor determinar responsabilidades, e fala sobre falhas específicas de alguns indivíduos.” - Caroline Wadhams, Analista de Segurança Nacional

O falhanço da CIA em estar devidamente preparada para a ameaça da Alcaida dos ataques de 11 de Setembro foi atribuído ao antigo chefe da CIA, George Tenet. A própria auditoria da agência descobriu vários erros da equipa responsável durante o mandato de Tenet. Observadores dizem que Tenet não conseguiu combater a organização terrorista de Osama bin Laden.

“Ele não conseguiu criar uma estratégia alargada para derrotar a Alcaida, apesar do facto de em 1998 ele ter declarado guerra a essa organização; ele falhou o seu propósito,” sublinhou Caroline Wadhams.

Talvez o pior, de acordo com o relatório, tenha sido que cerca de 60 funcionários da CIA sabiam, 18 meses antes dos ataques de 11 de Setembro, de dois operacionais da Alcaida, que mais tarde foram os sequestradores do avião que embateu no Pentágono.

Os dois homens viviam em San Diego, Califórnia, mas a CIA apenas notificou o FBI no final de Agosto de 2001.

“O que isto demonstra é a grandeza do problema em termos de partilha de informação e de vontade de ultrapassar a cultura de secretismo,” disse Rand Beers, uma antiga Conselheira Nacional de Segurança.

Apesar disso, o relatório conclui que não havia uma varinha de condão que evitasse os ataques de 11 de Setembro. O antigo director da CIA, George Tenet, refutou as críticas do relatório rotulando-o de “completamente errado” e cheio de falhas.

“Ninguém quebrou a lei, George Tenet não quebrou a lei, e os outros oficias responsáveis também não quebraram a lei, mas não conseguiram fazer o seu trabalho de forma satisfatória, e penso que há lugar para algumas críticas,” acrescentou Caroline Wadhams.

A investigação interna da CIA pede acções disciplinares contra vários agentes. Numa declaração, o actual director da CIA, Michael Hayden, disse que está relutante em divulgar esse relatório, temendo os seus efeitos nas operações a decorrer e não tem planos para punir nenhuns funcionários da CIA.


Podem ver o vídeo desta notícia aqui (em inglês): http://www.russiatoday.ru/news/news/12883/video



O canal noticioso russo Russia Today publicou esta notícia em http://www.russiatoday.ru/news/news/12883 a 23 de Agosto de 2007. Tradução de Alexandre Leite.

publicado por Alexandre Leite às 12:32
link do post | comentar | favorito
|

Todos os textos aqui publicados são traduções para português de originais noutras línguas. Deve ser consultado o texto original para confirmar a correcta tradução. Todos os artigos incluem a indicação da localização do texto original.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

Crise Alimentar

A maior demonstração do falhanço histórico do modelo capitalista



Em solidariedade com a ACVC

Camponeses perseguidos na Colômbia

"Com a prosperidade dos agrocombustíveis, a terra e o trabalho do Sul estão outra vez a ser explorados para perpetuar os padrões de consumo injusto e insustentável do Norte"



Investigando o novo Imperialismo

↑ Grab this Headline Animator


.Vejam também:

Associação de Solidariedade com Euskal HerriaManifesto 74
Sara Ocidental Passa Palavra
XatooPimenta NegraO ComuneiroODiárioResistir.InfoPelo SocialismoPrimeira Linha
Menos Um CarroJornal Mudar de Vida
Blogue OndasBioterra





InI Facebook

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.